Séries

Bryan Cranston reprisa papel de presidente Lyndon Johnson em telefilme; veja trailer

Em um determinado momento do trailer (assista abaixo) de All the Way, o presidente americano Lyndon Johnson, interpretado por Bryan Cranston, diz: “política é guerra”. É assim que ele encara a difícil tarefa de fazer com que o Ato de Direitos Civis de 1964 seja aprovado ao assumir o cargo de presidente dos Estados Unidos logo após o assassinato de John F. Kennedy.

Produzido por Steven Spielberg para a HBO, dirigido por Jay Roach (responsável pelos ótimos e premiados Game Change e Recount) e escrito por Robert Schenkkah (também roteirista da adaptação premiada na Broadway), o telefilme All The Way é uma das produções mais esperadas para este ano. Protagonizada por Bryan Cranston, que revive o papel como o presidente Lyndon B. Johnson após ter atuado na Broadway por essa mesma história (premiada no último Tony Awards), LBJ assume a presidência dos Estados Unidos em um momento chave da política americana, precisando lidar com diversos problemas e pressões dos partidos políticos.

Bryan Cranston reprisa papel da Broadway que lhe rendeu um Tony Awards agora na TV
Bryan Cranston reprisa papel da Broadway que lhe rendeu um Tony Awards agora na TV. | Foto: Reprodução

Assim, ele herda a Guerra do Vietnã, a já mencionada luta pela lei dos direitos civis e também a preocupação com a reeleição no ano seguinte. Tarefas que receberão o apoio incondicional da sua mulher, “Lady Bird” Johnson (Melissa Leo), para enfrentá-las e conseguir seguir em frente. No elenco também estão Anthony Mackie (como Martin Luther King Jr.), Bradley Whitford (no papel de Hubert Humphrey), Stephen Root, como o diretor do FBI, J. Edgar Hoover, e o ótimo Frank Langella (como o senador Richard Russell).

Antes mesmo da estreia do telefilme, que será no dia 21 de maio nos Estados Unidos (ainda não há uma definição do lançamento no Brasil), já dá para perceber, apenas assistindo ao trailer, que Bryan Cranston merece, no mínimo, uma indicação ao Emmy Awards desse ano – e ele deverá ser o favorito a vencer (o ator ganhou o Tony Awards por esse mesmo papel). Cranston, aliás, trabalha novamente com o diretor Jay Roach após Trumbo: Lista Negra (leia aqui a resenha), que também é um dos cotados a receber uma indicação ao Emmy.

Assista abaixo o vídeo:

Crédito da Imagem: Divulgação/HBO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *