Vida

Spike Lee faz boicote ao Oscar por falta de atores negros entre os indicados

As primeiras manifestações sobre o chamado “Oscar branco” começaram pouco depois do anúncio dos indicados, feito na última quinta-feira. Na segunda, o cineasta Spike Lee declarou que não irá participar da cerimônia do Oscar no dia 28 de fevereiro por causa da falta de diversidade entre os indicados.

Em novembro do ano passado, o diretor recebeu um prêmio honorário por sua carreira. No comunicado, que foi publicado no Instagram, Lee disse que “nós não podemos apoiar isso e eu não quero desrespeitar os meus amigos, o apresentador Chris Rock, a presidente [Cheryl Boone Isaacs] ou o produtor Reggie Hudlin. Mas como é possível pelo segundo ano consecutivo todos os 20 candidatos na categoria de ator serem brancos?”, questionou ele.

Na postagem, o cineasta também lembrou de Martin Luther King Jr. E continuou dizendo que “não vamos nem entrar em outros ramos. Quarenta atores brancos em dois anos e nenhuma personalidade”.

Quem também declarou que não pretende ir à cerimônia é a mulher do ator Will Smith, Jada Pinkett Smith. E isso é algo que deverá se repetir entre muitas outras personalidades negras importantes até o dia da cerimônia.

Crédito da Imagem: Reprodução

Um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *